6 on 6 (outubro de 2016) Fotografia documental de família

O 6 on 6 deste mês tem como tema a fotografia documental de família, no caso, a minha! O que não chega a ser nenhuma novidade aqui no blog, que é quase um álbum virtual da minha sobrinha. Algum fotógrafo por aí já disse “fotografe o que você ama!” e eu fotografo mesmo.

Desde que conheci o trabalho do Renato de Paula, que acompanho pelo Instagram (@renatodpaula), voltei a me motivar a fazer fotos nesse estilo, então, por mais que eu esteja bem engajada nos retratos, meu hobby na fotografia é lifestyle/documental. Particularmente, acho que as fotos em preto e branco retratam melhor os momentos e escolhi fazer assim. Tudo se passou no dia do baby chá da minha irmã.

fotografia documental de família

1. Três gerações – vovó, minha tia e minha prima… na verdade quatro gerações por que ela está grávida.

fotografia documental de família

2. Mãos da vovó – são inconfundíveis pra gente, essas mãos fazem carinho, fazem comida, fazem remédios, dão instruções, fazem milagres!

fotografia documental de família

3. Três planos – à primeira vista é uma foto comum, mas não é não gente! Estou orgulhosa de mim mesma por ter conseguido enxergar muito do que tenho estudado nessa fotografia. Aqui consegui colocar três planos na cena: o primeiro é a ponta da mesa que está desfocada permitindo que nossos olhos vão direto para o segundo plano, composto por meu irmão e minha sobrinha quase na mesma linha, ela está interagindo com o terceiro plano – minha prima Rebecka dando tchau, também desfocada por que o foco está no segundo plano. Viram? Tem uma história sendo contada. Além disso os elementos da foto (as pessoas) estão nos pontos áureos e formam um triângulo… poderia fazer um post sobre composição com essa foto, né? O mais interessante é que isso se passou em centésimos de segundos, tanto que a mão da Reb tá congelada, eu não planejei tudo isso na hora da foto, é sinal que meu cérebro está ficando capaz de automatizar o processo. Muito feliz por isso!

fotografia documental de família

4. Conversas – gostei dessa foto por que parece que eu tirei escondida.

fotografia documental de família

5. O conselho – fizemos uma caixinha onde os convidados poderiam deixar recados ou conselhos para os futuros papais em pedacinhos de papel. A nossa super antenada Laisa viu e fez questão de deixar um conselho – nas palavras dela – para a tia Bia! Peguei na mão dela e escrevi o conselho que ela queria dar, que na verdade eram beijos. Ela desenhou um coração e assinou, como vocês podem ver no papelzinho… muito amor.

fotografia documental de família

6. Preparativos – as cozinheiras maravilhosas na cozinha da casa da mamãe.

Esse tipo de fotografia tem muito significado para quem está envolvido, não se trata apenas da estética e da técnica, mas realmente do registro do momento. Só que tudo é um conjunto por que, como vocês viram na terceira foto, a técnica ajuda a registrar o momento de forma mais significativa ou mais bonita. É por isso que a fotografia me apaixona!

Pela primeira vez experimentei fotografar em JPEG na X-T10, já que o volume de fotos ia ser grande e mais uma vez a Fuji me mostrou que dá show. Na edição apenas mexi um pouquinho na curva de tons para ficar com mais cara de filme e aumentei a nitidez. Essas fotos foram feitas à noite, exceto a última, com ISO 1000, ainda assim não ficaram com grão!

Espero que tenham gostado e que você se inspire a fotografar sua família com mais frequência. Eu quero.

Obrigada por chegar até aqui!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s